Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais

Planejamento Estratégico

Topo portal - plano estrategico
 

O Planejamento Estratégico é uma metodologia gerencial que, a partir de decisões da Alta Administração, permite estabelecer a linha de atuação a ser seguida pela Instituição no cumprimento da estratégia.

 

  • O Planejamento Estratégico do Tribunal de Justiça está alinhado com o Planejamento Nacional estabelecido pela Resolução 198/2014 do Conselho Nacional de Justiça. Disciplinado pela Resolução 823/2016, o Planejamento Estratégico apresenta as metas,  indicadores e iniciativas  a serem executadas até 2020.

    Já a Resolução 827/2016 disciplina o desdobramento do Planejamento Estratégico nas Unidades Judiciárias da Justiça Comum de Primeiro Grau.

  • I. Identidade Organizacional

    II. Mapa Estratégico

    O Mapa Estratégico dispõe os Macrodesafios do Poder Judiciário mineiro nas perspectivas Sociedade, Processos Internos e Recursos, norteando o comportamento e o desempenho institucionais.

    Perspectiva Sociedade/Resultados:

    É como a instituição procura se relacionar com a sociedade por meio da atuação institucional, do acesso à justiça e da responsabilidade socioambiental.

    Perspectiva Processos Internos:

    Destaca os processos e procedimentos cruciais para a promoção da melhoria contínua da prestação jurisdicional, com realce para os temas relacionados à atividade fim da Instituição.

    Perspectiva Recursos:

    Situa-se na base da gestão estratégica no setor público, demonstrando que as pessoas com capacitação e motivação adequadas utilizam os recursos orçamentários para garantir o funcionamento da Instituição, como infraestrutura e governança judiciária, de modo a assegurarem a modernização e a excelência na prestação do serviço público que lhes competem.

    III. Painel Estratégico

    O Painel Estratégico é o instrumento que relaciona os Macrodesafios da Instituição com os indicadores, as metas nacionais e institucionais e as iniciativas estabelecidas para o alcance dos resultados da estratégia.

    As Metas Nacionais são formadas pelas Metas de Medição Continuada (MMC) e pelas Metas de Medição Periódica (MMP), aplicáveis aos órgãos do Poder Judiciário e acompanhadas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), durante o período de vigência da Estratégia Nacional. Tais metas são definidas anualmente nos Encontros Nacionais do Poder Judiciário.

    Para além das metas nacionais, o TJMG se compromete a atingir Metas Institucionais, visando potencializar o alcance dos resultados almejados.

    IV. Quadro de Iniciativas

    As Iniciativas são programas, projetos e ações alinhados à estratégia da Instituição e que subsidiarão o alcance dos objetivos pretendidos.

    V. Agenda Setorial

    A Agenda Setorial consiste num conjunto de ações concretas, específicas de cada área/setor, que, embora pontuais, buscam aprimorar processos estruturais, administrativos e judiciais, permitindo a efetiva contribuição da área para o alcance da estratégia do TJMG.

  • A Gestão Estratégica do Tribunal de Justiça do Estado Minas Gerais 2015-2020, referente à atualização realizada em 2019, está assim estruturada:

    Desdobramento da Estrategia.jpg
     

    Acesse o Desdobramento da Estratégia (arquivo em pdf).

    Para acessar o Planejamento Estratégico do TJMG referente ao exercício de 2019, clique aqui.

    Para orientações, entrar em contato com a SEPLAG pelo telefone (31) 3079-9802.

    Complementarmente, o Conselho Nacional da Justiça - CNJ disponibiliza o Glossário das Metas Nacionais, que estabelece instruções e critérios para subsidiar a coleta de dados e o posterior lançamento no Sistema Metas Nacionais, viabilizando o monitoramento de sua execução pelos tribunais brasileiros e a aferição de seu cumprimento pelo CNJ. 

     

    Planejamento Estratégico anos anteriores

    Planejamentos Estratégicos do TJMG anteriores a 2018:

  • O Caderno de Compromissos é o documento que consolida a estratégia do TJMG, apresentando de forma clara e sintética os Indicadores, as metas e as Iniciativas assumidos em 2019 para o alcance de sua Missão.

    Para acessar o Caderno de Compromissos referente ao exercício de 2019, clique aqui.

  • O TJMG está reestruturando a forma de apresentação dos Resultados do Planejamento Estratégico visando uma melhor comunicação com os Magistrados, servidores e sociedade, bem como assegurar maior transparência às suas ações e entregas.

  • Desde 2016, o TJMG realiza consultas públicas para saber a opinião do cidadão, dos operadores do Direito e demais pessoas interessadas na escolha de estratégias para melhorar os serviços prestados pelo Judiciário.

     A consulta pública é uma modalidade de participação que visa promover a gestão participativa e democrática e atende à Resolução 221 do Conselho Nacional de Justiça.

    Anualmente, a Rede de Governança Colaborativa do Poder Judiciário, com orientações do CNJ, formula a proposta inicial de metas do segmento de justiça. Essa proposta é encaminhada para todos os Tribunais integrantes daquele segmento, para que possam promover seus processos participativos.

    Posteriormente, cada Tribunal apresenta suas considerações nas reuniões preparatórias do Encontro Nacional do Poder Judiciário, que reúne os presidentes de tribunais de todo o País, para definir as metas a serem adotadas a cada ano.

    Consulta Pública - Metas 2019

    Consulta Pública - Metas 2018

    Consulta Pública - Metas 2017